A música é a arte
mais direta

Entra no ouvido, passa pelo
coração e manifesta-se na alma
O gênio do Jazz!! - SONATA % %
Compartilhar este artigo: [addtoany]

O gênio do Jazz!!

Dedicaremos um dos nossos primeiros posts ao grande músico e a sua obra ChickCorea. Esse texto é uma compilação de artigos já publicados e visa somente a contribuir com os leitores fãs ou não desse gênio da música.

Nome de batismo, Armando Anthony conhecido popularmente como “Chick” Corea. Nascidoem Chelsea,cidade do condado norteamericano de SuffolkMassachusettsEstados Unidos em 12 de junho de 1941, foi um pianista e tecladista de jazz norte-americano e um compositor bastante conhecido por seu trabalho na década de 1970 no gênero chamado jazz fusion, apesar de ter contribuições significativas para o jazz tradicional.

Descendente de italianos, seu pai Armando, um trompetista de jazz que liderava uma banda de Dixieland, na região de Boston, nos anos 30 e 40, apresentou o piano a Chick quando este tinha cinco anos.

Crescendo com jazz ao seu redor, o jovem Chick foi influenciado pelo pianista concertista Salvatore Sullo do qual Chick tomou lições desde os 8 anos, o que o introduziu à música clássica, aumentando o seu interesse em composição. Pianista e tecladista, conhecido por sua imensa capacidade de improvisação na década de 1960, brilhou no grupo de Miles Davis, o que não era nada fácil, dados o brilhantismo e o rigor do trompetista.

A partir dos anos 1970 , após a saída da banda de Miles, Corea atuou no grupo Returnto Forever. O pianista, impactado pela hegemonia do rock, depois de lamentá-la, decidiu que unir-se ao “inimigo” era o melhor remédio — desde que pudesse transformá-lo, o que fez. Veio, então, o estalo: misturar os dois estilos. Daí, fundindo rock e jazz, criando um estilo novo, o movimento Electric Fusion, fez o sucesso. Pode-se sugerir, até, que contribuiu tanto para a renovação do jazz quanto do rock, Nessa época, Corea usava, além do piano, um Fender Rhodes e diversos sintetizadores, principalmente um Mini-Moog.

Na banda, ele tocou com diversos músicos, entre eles Stanley Clarke, Al Di Meola, Lenny White, Bill Connors e os brasileiros Flora Purim e Airto MoreiraMoreira — os dois últimos brasileiros. Nos anos 1980, ele fundou o grupo The Elektric Band, com John Patitucci (baixo), Frank Gambale (guitarra), Eric Marienthal (sax) e Dave Weckl (bateria). ChickCorea era assim: apreciava tocar e dialogar, musicamente, com os melhores. Pois sabia que, assim, melhorava a sua própria música, construindo, por assim dizer, uma música coletiva, e de alta qualidade.

Corea nos deixou aos 79 anos (09/02/21) por causa de uma forma rara de câncer diagnosticada bem próxima de sua morte. Nos últimos meses, Chick realizou diversas livesem sua casa e promoveu um curso online de jazz. Durante sua vida ele ganhou 23 prêmios do Grammy, e foi indicado mais de 50 vezes.

Abaixo texto deixado por ChickCorea dias antes de nos deixar:

“Quero agradecer a todos aqueles que, ao longo da minha jornada, ajudaram a manter o fogo da música aceso. É minha esperança que aqueles que têm a ideia de tocar, escrever, atuar que o façam. Se não por você, então pelo resto de nós. O mundo não precisa apenas de mais artistas, mas também de muita diversão. E para os meus incríveis amigos músicos, que são uma família para mim desde que os conheci: foi uma bênção e uma honra aprender a tocar com todos vocês. Minha missão sempre foi levar a alegria de criar em qualquer lugar que eu pudesse, e ter feito isso com todos os artistas que eu admiro tanto foi a riqueza da minha vida”.

Referências:

https://www.jornalopcao.com.br/ultimas-noticias/morre-o-pianista-de-jazz-chick-corea-aos-79-anos-tinha-cancer-311695/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Chick_Corea

– Leia mais em: https://veja.abril.com.br/cultura/chick-corea-lenda-do-piano-no-jazz-morre-aos-79-anos/

https://g1.globo.com/pop-arte/musica/noticia/2021/02/11/chick-corea-morre-aos-79-anos.ghtml